sobre a confeiteira

Confeiteira por vocação, desde criança Luana Drumond fazia os bolos de aniversário para os familiares.

Ao sair da escola, já sabia quer iria fazer faculdade de Gastronomia. Ela se formou em 2010 e passou por importantes cozinhas de Belo Horizonte, como o Café De La Musique e Belo Comidaria.

Luana sempre foi apaixonada por doces. Seguindo os passos da confeitaria americana, tem como referência o Momofuku Milk Bar e a Bouchon Bakery, ambas em Nova York.

Com estas influências, escolheu trabalhar com uma linha mais rústica, sem muitos arremates. Confeitaria simples, com sabores surpreendentes, saudosos, porém com um toque atual. Doces para todos os momentos.

Com tudo isso na bagagem, a confeiteira Luana Drumond criou o conceito do que hoje é a Doce que seja Doce.